[Resenha] Chiclete pra Guardar pra Depois


Livro: Chiclete pra Guardar pra Depois
Autora: Andreia Evaristo
Páginas: 118
Ano: 2016

Sinopse: "Chiclete pra Guardar pra Depois” (Editora Areia, 117 pág., 2016) reúne 37 crônicas nas quais a autora reflete sobre amadurecimento e sobre o mundo contemporâneo. Em tom quase de confissão, é como se Andreia abrisse seu diário para o leitor e dialogasse com ele sobre as agruras de crescer – principalmente para as meninas." (Jornal A Notícia, 08/08/16)

Chiclete pra guardar pra depois é uma livro que reúne 37 crônicas, gostosas de se lê. Mostrando que a felicidade está nos pequenos detalhes, trás um saudosismo da infância e da adolescência, além de experiências da vida adulta.

"A felicidade é um bichinho difícil de controlar, exatamente como os gatos." (Um gato chamado felicidade)

Teve trechos no qual me identifiquei em várias crônicas, mas teve duas em especial que me fez recordar a época em que eu lecionava:
- Viva os professores medíocres
- Nem todo aluno é medíocre, só a média.
E tenho que concordar com a autora, ela está corretíssima nessas duas crônicas.

"Ter muitos amigos, muitos seguidores, muitas curtidas é legal. Mas quando eu paro para pensar, percebo que às vezes a vida real é tão boa que não temos nem tempo de compartilhar. Minhas melhores memórias não estão contadas em fotos do instagram, nem em posts das redes sociais. Aliás, o mais bacana da memória é que ela é seletiva: a gente sempre tem a tendência a esquecer partes ruins e ficar apenas com as partes que realmente valeram a pena. Das ruins, fica o aprendizado - e que bom que é assim." (A vida acontece quando você está desconectado)

Fica a dica de mais um livro bacana de se ler. 
Quer adquirir o e-book? Acesse aqui!

Um comentário:

  1. Adorei!
    Fico feliz com sua identificação com algumas crônicas. É maravilhoso se ver refletido no outro, né?
    Beijo grande.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita!
Volte Sempre!